Ferias

Eu me lembro que quando era adolescente tinha muita preguica dos finais de semana porque eram dias em que nao se fazia nada. A gente morava, minha familia ainda mora, em um bairro longe de tudo, com nenhuma atracao cultural, uma pracinha toda cimentada e sem arvores, um parque florestal enorme ao lado de casa onde era e ainda eh muito perigoso passear. Quando crianca, passavamos os finais de semana em casa ou na rua de casa e pronto. E eu achava os finais de semana muito longos… Depois cresci e fui morar em outra cidade. Comecei a trabalhar e continuei achando os finais de semana muito longos… Achava que ficava muito a toa. Cheguei a pensar em dispensar a diarista que limpava meu apartamento uma vez por semana para ter mais atividade no final de semana. Adoro fazer uma faxina! Mas fiquei com pena dela que precisava daquele trabalho. Inventei cursos para fazer nos finais de semana e então consegui me livrar da sensação de estar “perdendo tempo” nos finais de semana. Quando me mudei para a Suíça, sem amigos, sem familia e no inverno, os finais de semana eram o meu pesadelo! Sair no frio de zero graus para passear e conhecer a cidade era, para mim, um programa de indio sem tamanho. Ficar no apartamento de um quarto olhando internet era outro programa de indio sem tamanho. Ja sem diarista, limpava o apartamento em duas horinhas e pronto: ja estava a toa novamente. Cansava de dormir e ler e rezava para a segunda feira chegar. Agora nao tenho do que reclamar. Nao tenho tempo para ficar a toa. Nem mesmo um minutinho. Trabalho, cozinho, lavo, limpo, junto brinquedos espalhados pelo chao, busco na escola, educo, dou banho, etc e tal… meus finais de semana sao tao cheios que nao sinto mais falta da segunda feira. Agora meus dias de “a toa” foram reduzidos e mudaram de endereço. Se chamam Ferias! Estou em um paraíso! Comida boa, casa linda (apesar da quantidade de pernilongos), mar com agua morna, pessoas legais etc e tal. Ainda nao estamos nem na metade das ferias e eu ja me sinto descansada e recarregada o suficiente para voltar. Gosto de estar aqui mas nao gosto da sensação de ter colocado a minha vida em “stand by”. Sim, eu sei que eh importante relaxar, dar um tempo porque no final a vida eh capaz de andar por si so. Mas eh que sou daquelas que pensa que ” todo amor eh sagrado e o fruto do trabalho eh mais que sagrado, meu amor”. Nao me refiro necessariamente a trabalho para ganhar dinheiro. Me refiro a fazer coisas úteis, a aprender, estudar, investigar, organizar-se. Comer e dormir me cansam muito! 🙂 Segue a trilha sonora que embalou este post… http://letras.com/beto-guedes/44530/

Anúncios

Um pensamento sobre “Ferias

  1. Adoreiiii o texto, soh nao concordo com a ultima frase que “dormir e comer cansa muito”… rsrsrs… Curte bastante o solzao, o mar, a familia que te adora e te quer bem, e principalmente amam o seu filho como toda mae gostaria que as pessoas amassem. Dps pense no retorno a casa, trabalho, frio do pais e das pessoas… rsrs Bjoooooo e fiquem com Deus!! Ah! nao esquece da “pizza romantica” hein? kkkkkkkkk Date: Fri, 17 Jul 2015 20:56:46 +0000 To: coutorejane@hotmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s